Slide background
Slide background
Slide background
Slide background
Slide background
Slide background
Slide background

A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), por meio de sua Superintendência de Serviços de Transporte Rodoviário e Multimodal de Cargas, publicou a Portaria SUROC Nº113, de 08/06/2017, que estabelece orientações referentes aos prazos de veiculação do adesivo do Registro Nacional de Transportadores Rodoviários de Cargas (RNTRC), o qual foi prorrogado para 30/06/2017.

Os transportadores que não completarem o processo de identificação visual por falta de associação do código a placa terão os veículos excluídos de sua frota e deverão reiniciar todo o processo de recadastramento no RNTRC, a partir de 01/07/2017.

Atualizou-se também o aplicativo SITCARGA para 2.0, o que facilita a visualização de frota para os transportadores. Porém, na versão anterior ainda é possível visualizar a lista de veículos pendentes, através dos seguintes passos:

• Realizar a sincronização dos dados;
• Na opção "resumo" o usuário terá acesso a listagem de todos os serviços não realizados, os quais devem ser realizados na tela de associação.
• É importante notar se os serviços apresentam a situação "pendente", o que indica que os serviços não foram associados ao dispositivo em uso.
• Os que apresentam a situação "associado", indicam que já estão associados ao dispositivo, mas não foram efetivados. Os mesmos só serão efetivados após a realização da próxima sincronização.

Leia Mais

A ABTI esteve reunida com o Delegado da Receita Federal do Brasil em Uruguaiana, Cláudio Montano, juntamente com a Assessoria Jurídica da entidade e representante do poder legislativo municipal. Durante a reunião a Gerente Executiva, Gladys Vinci, falou sobre a necessidade de um tratamento excepcional aos processos de trânsito aduaneiro que necessitem retornar ao porto seco por causa da violação de lacres.

Vinci reforçou que os prejuízos causados ao comércio exterior são irrecuperáveis, por isso o projeto visa proteger os transportadores que trabalham com ética e seriedade no Transporte Internacional. Os Drs. Tadeu e Leandro Campelo informaram que o procedimento está definido no Código Aduaneiro, no entanto, gera tempo de espera, multas e uma despesa média de R$ 5.000,00, que inevitavelmente aumentam o custo logístico.

O Vereador Elton da Rocha, adiciona que a cidade está focada em manter-se como um case de sucesso em tempos logísticos. "Estamos atentos para auxiliar na agilização, Uruguaiana é referência, e não é por acaso", conclui.

Ainda foi reforçado pelos presentes a importância da transparência nos processos. "Os protocolos ainda são necessários" enfatiza a Gerente Executiva, que estuda um kaizen nos trânsitos aduaneiros de importação que necessitem da anuência do Serviço de Vigilância Agropecuária para o cumprimento da NIMF nº 15 em Uruguaiana.

Montano solicitou a entidade o projeto completo que será analisado pela equipe da RFB. A entidade dará continuidade no trabalho e irá monitorar o andamento das solicitações realizadas.

20170621

Leia Mais

Neste exato momento inúmeras famílias estão precisando de ajuda. Além do inverno com baixas temperaturas, o sul do país vem sofrendo com enchentes. Os desabrigados são muitos, Uruguaiana, Itaqui, São Borja, Porto Xavier e Porto Mauá foram alguns dos municípios mais afetados com a cheia dos rios.

Qualquer tipo de doação é bem-vinda! Aproveite o feriado de Corpus Christi e separe tudo aquilo que poderá ser útil para os que necessitam.

Procure a Secretaria de Assistência Social do seu município e colabore!
A sede da ABTI é ponto de coleta.

2017061401

Sugestões de itens para doação:

Material de limpeza e higiene;
Alimentos não perecíveis;
Cobertores e edredons;
Meias, Toucas; Mantas, Calçados e demais agasalhos.

Leia Mais

Rua General Bento Martins, 2350
Uruguaiana - RS - Brasil
Cep: 97501-546
abti@abti.org.br

logoBoto

Siga-nos

face twitter in

+55 55 3413.2828
+55 55 3413.1792
+55 55 3413.2258
+55 55 3413.2004