Slide background
Slide background
Slide background
Slide background
Slide background
Slide background
Slide background
Slide background
Slide background
Slide background

O Sindicato Nacional dos Auditores Fiscais Federais Agropecuários, ANFFA Sindical, comunicou o Ministro de Estado da Agricultura, Pecuária e Abastecimento/MAPA, sobre a paralisação coletiva das atividades desenvolvidas pelos Auditores Fiscais Federais Agropecuários, que será iniciada no próximo dia 14 de junho, segundo o documento, a paralisação deflagrada pela Categoria será total e por 48 horas. Ou seja, não haverá liberação de cargas de 14 à 16 de junho, pois soma-se a essa paralisação o feriado do dia seguinte.

A Categoria alega que por reiteradas e exaustivas vezes tentaram promover negociações não somente com o MAPA, mas também com o Ministério da Economia e Casa Civil da Presidência da República para o atendimento dos pontos de pauta definidos na forma prevista no estatuto da entidade. Ainda, desde 2021 a Categoria vem engendrando esforços para abrir canais de comunicação e negociação quanto aos pleitos reivindicados, notadamente referente a Reestruturação da Carreira, Concurso Público e PL 1293/2021. No presente ano, ocorreram diversas reuniões com o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Ministério da Economia e Casa Civil, encarregado de conduzir o processo negocial, que não representaram avanços na negociação.

Por fim, a Categoria ressalta que a decisão pela deflagração do movimento grevista foi uma consequência das infrutíferas tentativas junto a Administração Pública Federal, vez que buscou-se promover o diálogo e a negociação sem que fosse possível alcançar algum resultado. Os Auditores Fiscais Federais Agropecuários estão abertos às tratativas que envolvam a pauta de reivindicações para debate e negociação, desde que providências concretas sejam adotadas para o avanço dos pleitos da Categoria.

A Associação recebe esta informação com extrema preocupação, pois para o transporte rodoviário internacional de cargas, mais esta parada, ainda de forma repentina nas atividades criou mais um gargalo no andamento da operação. Por isso, novamente a entidade solicita apoio de seus associados que tenham contatos de pessoas influentes na política, para que possam apoiar a causa do setor e evitar que novas paralisações ocorram, permitindo que o comércio exterior flua com a agilidade que o mercado exige.

Rua General Bento Martins, 2350
Uruguaiana - RS - Brasil
Cep: 97501-546
abti@abti.org.br

logoBoto

Siga-nos

face twitter in

+55 55 3413.2828
+55 55 3413.1792
+55 55 3413.2258
+55 55 3413.2004